Para que serve o tubo capilar para microhematócrito sem Heparina?

A inovação e o avanço da tecnologia são fundamentais para o desenvolvimento da medicina e da ciência. Muitos procedimentos e técnicas são realizadas de forma rápida e precisa a partir de equipamentos e ferramentas criados especialmente para melhorar a capacidade de diagnóstico e exames da área hospitalar. Esse é o caso do tubo capilar para microhematócrito sem heparina, um produto desenvolvido para otimizar a realização de testes de sangue.

 

O tubo capilar para microhematócrito sem heparina é um produto utilizado em exames rápidos e que podem ser reproduzidos com precisão na análise de material laboratorial. Esse modelo de tubo capilar não leva nenhuma substância anticoagulante natural, diferente dos modelos que já vem com heparina.

 

Na prática do laboratório de análises clínicas os profissionais utilizam esse produto em centrífugas especializadas, e o diferencial é que ele serve para realizar exames de sangue hematócrito com pouca quantidade de material.

 

É possível realizar exames de forma manual também, sem a necessidade de equipamentos, é o caso de quem faz análises para aprender sobre a técnica de avaliação de amostras para hematócrito.

 

O que é o exame hematócrito

O hematócrito é um dos exames feitos a partir da análise de uma quantidade de sangue retirada do paciente que avalia o percentual de volume que os glóbulos vermelhos que aparecem no sangue. Ele faz parte do hemograma e é considerado um exame fundamental para avaliar condições como desidratação, anemia ou policitemia, que é o aumento dos glóbulos vermelhos no sangue.

 

Os glóbulos vermelhos, tecnicamente chamados de hemácias ou eritrócitos, ocupam uma parte do sangue, que quando é submetido ao processo de centrifugação fica separado entre o plasma e as hemácias. Essa técnica permite observar a composição do material. Um hematócrito de 38% mostra que há 38 ml de hemácias em 100 ml de sangue.

 

Assim como em outros exames de sangue, existe uma média considerada ideal que marca a faixa em que o paciente se encontra de acordo com o resultado analisado em seu exame. Homens, mulheres e crianças têm percentuais diferentes para que esse volume de hemácias possam apontar a normalidade ou a necessidade de mais atenção para o quadro do paciente.

 

Análises feitas com o hematócrito

Quando o hematócrito está elevado, ou seja, tem mais hemácias do que plasma, indica sinais de desidratação. Em casos de queda desse percentual existe a possibilidade de anemia. Já nos quadros de hemorragia é possível observar a destruição das hemácias.

 

Índices de análise 

Mulheres entre 35 e 45%

Homens entre 40 e 50%

Crianças entre 37 e 44%

Gestantes entre 34 e 47%

 

No caso das gestantes o volume de glóbulos vermelhos reduz, enquanto o volume de plasma aumenta e isso é considerado normal.

 

O hematócrito baixo pode indicar sinais de:

  • Anemia
  • Leucemia
  • Excesso de hidratação
  • Desnutrição
  • Hemorragia

 

Em caso de perda de sangue o hematócrito é um exame fundamental para determinar se o paciente precisa de transfusão de sangue.

O hematócrito alto pode indicar sinais de:

  • Desidratação
  • Doença cardíaca congênita
  • Doença pulmonar
  • Baixos níveis de oxigênio no sangue

 

É possível avaliar o comportamento pulmonar a partir do hematócrito porque a medula óssea produz mais hemácias para aumentar o transporte de oxigênio no organismo, por isso, se há problemas pulmonares, o sangue irá indicar.

 

Uma curiosidade é observar que pessoas que vivem em locais de grandes altitudes têm hematócrito aumentado, essa é uma reação do organismo à baixa quantidade de oxigênio no ar dessas regiões e uma compensação para o corpo.

 

Vantagens de usar tubo capilar para microhematócrito sem heparina

Uma das vantagens de usar o tubo capilar para microhematócrito sem heparina para realização do exame de hematócrito é que a quantidade de sangue necessária para fazer a análise é pequena, o que se torna algo representativo para pessoas que sofrem de anemia, por exemplo.

 

O tubo capilar para microhematócrito sem heparina funciona como uma miniatura de um tubo de ensaio e tem dimensões bem pequenas:

 

Características do tubo capilar para microhematócrito sem heparina:

Diâmetro interno 1,1 mm – 1,2 mm

Diâmetro externo 1,5 mm – 1,6 mm

Comprimento 75 mm

Eles são vendidos em frasco em formato de paliteiro, que facilitam o manuseio, com 500 unidades.

 

Como é realizado o microhematócrito

Para realizar essas análises o procedimento inicia com a retirada de sangue do paciente, depois a amostra vai para o laboratório e, normalmente, é usada uma centrífuga para microhematócrito com tubo capilar.

 

O tubo capilar para microhematócrito sem heparina é preenchido com sangue até atingir a marca de ¾ da sua capacidade.

 

No passo seguinte as extremidades do tubo capilar são fechadas com uma massa especial ou através de uma chama.

 

Depois de vedado o tubo capilar é inserido na centrífuga para microhematócrito que será programada para permanecer o tempo necessário, na velocidade indicada, até que esteja pronto para a análise.

 

A última etapa do processo é a análise guiada pelo profissional habilitado para registrar os resultados obtidos a partir da técnica.

Produtos hospitalares com qualidade certificada

Para que todo esse processo de análise seja feito com precisão é necessário utilizar tubo capilar para microhematócrito sem heparina de qualidade, por isso é fundamental conhecer o fornecedor e o material antes de realizar sua compra do produto. 

 

Conheça nossa linha completa de produtos e fale com nossa equipe para fazer seu pedido.

CONHEÇA NOSSA LOJA ONLINE

NÃO PARE POR AQUI

VEJA MAIS

Carrinho

0

No products in the cart.

Entrar na lista de espera Avisaremos quando o produto chegar em estoque. Por favor, deixe seu endereço de e-mail válido abaixo.